Páginas

domingo, 23 de maio de 2010

Onigiriiiiiiiiiiiii :3 desu!


Inspirada nas idas no novo restaurante japonês aqui da vizinhança :P
Voltando cheia e quase explodindo! Quero fazer onigiri, eu quero, eu quero!!!

E minha filha vai aprender a fazer bento desde cedo pra comer um lanche muito saudável e fofinho na escola :3





Vai um onigiri aí também?! >_<

Então caneta e papel a postos!

Receita, vídeo com passo-a-passo e propaganda de forminhas para preparar os onigiris mais fofos de todo o mundo!!!

Onigiri ou bolinho de arroz


Ingredientes

450 g de arroz tipo japonês
500 ml de água
5 cm de alga kombu (opcional)*

* A alga realça o sabor do onigiri e dá liga ao arroz

Preparo

Arroz
Lave bem o arroz até que a água fique quase transparente. Deixe-o descansar por 30 minutos na peneira (isso vai permitir que ele hidrate lentamente). Transfira para uma panela de fundo espesso o arroz lavado, a água e a alga, e deixe em fogo forte até ferver. Abaixe o fogo e deixe cozinhar assim por 15 minutos. Desligue o fogo e deixe descansar (ainda com a panela tampada) por mais 10 minutos.
Pode-se utilizar também uma panela de pedra-sabão: o resultado é surpreendente. No caso da panela de pedra, o fogo deve ser forte nos primeiros 10 a 15 minutos (dependendo da sua espessura). Desligue e deixe tampado por 20 minutos.
Nao se esqueça de que, se o arroz for novo, deve-se reduzir a quantidade de água em 30 a 40 ml. Se o arroz estiver meio velho, coloque 1 colher (chá) de óleo neutro (canola, arroz, semente de uva): ele dará liga e brilho ao arroz ressecado.

Onigiri
Retire o arroz da panela, evitando a porção que grudou no fundo (se houver). Cubra o arroz com filme plástico, evitando que esfrie (os onigiri devem ser moldados ainda quentes).
Preencha ½ xícara (chá) de arroz cozido. Faça uma cova ao centro e coloque o recheio a seu gosto (umeboshi, atum, salmão salgado grelhado, lascas de bonito seco, ovas de salmão ou caviar). Molhe as mãos com um preparado de 1 xícara (chá) de água e 1 col. (sopa) de sal. Com as mãos molhadas, faça bolinhos redondos ou triangulares: forme cones com as mãos e aperte o arroz. O importante é apertar o suficiente para que eles não desmanchem na hora de comer, mas não demais, a ponto de esmagar os grãos.
Pode-se enrolar os onigiri com alga shiso, folhas de shiso ou cobrir com gergelim torrado.

Recheios
A ameixa umeboshi deve ser colocada dentro do bolinho sem a semente. (Dependendo do tamanho, ela deve ser colocada inteira ou pela metade.)
O atum em lata deve ser misturado com maionese até que fique cremoso, e temperado com shoyu e um pouquinho de suco de limão.
Já o salmão deve ser em filés, com a pele, e levemente salgado. Deixe-o secar na geladeira, embrulhado em papel-absorvente e sem filme, para perder a umidade. Deixe por 1 noite e, no dia seguinte, grelhe o peixe. Retire espinhas e pele, leve ao fogo e, com uma espátula, esmigalhe e seque. Tempere com saquê e um pouquinho de shoyu.
Lascas de bonito seco (okaka): coloque em 1 xícara (chá) as lascas de bonito e tempere com shoyu e gergelim torrado.
Ovas de salmão: deixe de molho por 1 noite 2 colheres (sopa) de ovas de salmão temperadas com 1 colher (sopa) de saquê e ½ colher (café) de shoyu.
Umeshiso: pique 3 umeboshi sem sementes e misture a 5 folhas de shiso (cortado fininho) e 1 colher (sopa) de gergelim torrado.

Rendimento: 12 bolinhos


Vídeos para deixá-los ainda mais inspirados!







Ocorreu um erro neste gadget